• Viaje com Pouco

As 7 maravilhas do mundo moderno - Custos e Dicas


Olá viajantes!!

Você sabe quais são as 7 maravilhas do mundo moderno?

E mais, você sabe quanto custa visitar cada uma delas?

Esse post é para quem tem curiosidade de conhecer alguma das 7 maravilhas do mundo moderno, aqui juntamos todas as dicas, custos e tudo o que a gente precisa saber pra visitar algum desses magníficos lugares..

Prontos? Vamos lá..


Custo: R$ 13,00 - 102,00.

Uma das 7 maravilhas do mundo fica no nosso incrível Rio de Janeiro! O monumento é um dos mais visitados em todo o mundo e fica localizado no Parque Nacional da Tijuca. Além do famoso monumento do Cristo de braços abertos "abraçando" a cidade, o local oferece uma incrível vista do Rio de Janeiro e é um passeio essencial para quem vai à cidade.

Existem diversas formas de chegar ao Cristo, são elas: Van partindo de Copacabana, Paineiras e Largo do Machado (a estação de metrô para em frente ao local da van), tem também o trem do Corcovado, e pra quem tem bastante disposição, pode fazer a trilha a pé.

O preço vai depender do trajeto escolhido e no site do parque da tijuca tem informações sobre os preços, horários e onde adquirir os ingressos (www.parquedatijuca.com.br/corcovado/).

O local possui restaurantes e lojinhas para comprar lembranças do Rio de Janeiro. Imperdível e do Brasil!


Foto: @raskalov


Foto: @viajecompouco


Custo: variável.

O ingresso vai de USD$ 41 Machu Picchu solo (estudante) até USD$ 86 com entrada para Huayna Picchu ou Montanha (adulto) Chegar a Machu Picchu pode não ser uma tarefa tão fácil. Há quem prefere dormir em águas calientes (que é o lugar mais próximo), mas há também quem prefere sair de Cusco. Nossa recomendação é que durma em Águas Calientes, pois o preço de comida e hospedagem é bem barato (e levando em consideração o tempo gasto de deslocamento: 3 horas de viagem), o melhor horário para subir para Machu Picchu é as 6 da manhã, pois fica lotado! A maneira mais confortável e rápida de ir de Cusco para Águas Calientes é de trem, a viagem leva cerca de 2 horas e custa em média 60/70 dólares por trecho. 👉🏼A alta temporada fica entre março a novembro e recomendamos que comprem a entrada para Machu Picchu antes, pois a quantidade de pessoas é limitada. (ingressomachupicchu.com) Da pra conhecer só Machu Picchu, ou fazer um combo com Huayna Picchu, ou Montanha. No site acima tem todas as opções e preços. Já em águas calientes, há três opções para subir para as ruínas da cidade perdida: . 👉🏼Ônibus: custa 20 dólares por pessoa (ida e volta)e esse da para comprar na hora, além disso, podem ser comprados trechos separados (só ida ou só volta por 10 dólares cada) 👉🏼Escada Inca: exige um pouco mais de preparo físico pela altitude, mas indo devagar e levando bastante água e frutas, a subida é facilitada 😉 (mastigar folha de coca ajuda bastante). 👉🏼Trilha Inca: essa talvez seja a maneira mais legal de chegar, porém leva cerca de 4 dias partindo de Cusco, acampando nos lugares. Recomendamos que levem lanches leves, água, protetor solar, repelente e dinheirinhos para a feirinha de água calientes. Para a altitude chá de coca ou mastigar folhas de coca ajuda bastante!


Foto: @maladeviagem


Foto: @umavoltaemeia


Huayna Picchu Foto: @isaalmeidabarros


Custo: MXN 232 (aproximadamente R$ 40,00 - custo para entrar no parque arqueológico)

Chichén Itza foi a capital da civilização maia, e é um sítio arqueológico batizado como uma das 7 maravilhas do mundo moderno! E não é pra menos! Ali tem belíssimas construções e uma riqueza histórica e cultural enorme.

A principal atração é a pirâmide de Kukulcán (ou El Castillo). O sítio arqueológico fica a cerca de 190km de Cancún, e 210km de Playa del Carmen, da pra ir de ônibus, alugar um carro (melhor opção - leva cerca de duas horas e meia) ou contratar um passeio (mais caro). Na bilheteria existem mapinhas gratuitos pra você se guiar, mas há também a possibilidade de contratar um guia pra explicar direitinho como funcionava a civilização e o sítio arqueológico (custa em média 700 pesos mexicanos). Dentro do sítio arqueológico, além da pirâmide Kukulcán, existem outros monumentos, por isso recomendamos que reservem um dia inteiro para esse passeio, para conhecer tudo com calma! Recomendamos que se protejam bastante do sol, que é muito forte na região! Levem protetor solar, chapéu, óculos, e água é essencial!


Foto @maladeviagem


Custo: 15 € - aproximadamente 55 reais

O Coliseu é um dos maiores monumentos de Roma! Suas arquibancadas tinham capacidade para 80 mil pessoas, e ali era o palco de batalhas entre gladiadores, animais ferozes e de espetáculos! Foi construído por ordem do imperador Vespasiano e concluído no governo do seu filho Tito. Uma aula de história romana num lugar cheio de mistérios e num monumento maravilhoso! Não é a toa ser uma das 7 maravilhas! O ingresso da direito a entrada no coliseu, no fórum romano e palatino! Como o coliseu é um lugar muito procurado, está sempre cheio de filas tanto para entrar quanto para comprar o ingresso. A dica é comprar o ingresso no fórum romano, que é o mesmo preço e a fila bem menor! Também há a opção de visita guiada, que dura cerca de 3 horas e custa 58 € por pessoa! Mais informações no site: www.rome-museum.com/br (nesse site da pra comprar o ingresso online e retirar na bilheteria)!


Foto: @turistandocomcris


Foto: @turistandocomcris


Foto: @liveloventravel


Custo variável: existem passeios fechados (mais cômodos e fáceis) e um roteiro de transporte público pros mais aventureiros.

O primeiro e mais importante a saber: 👉🏼a muralha é dividida em várias partes, sendo Badaling a de mais fácil acesso e turística (por isso super lotada!) e Mutianyu um pouco mais difícil de acessar e menos turística (bem mais vazia).

👉🏼Assim que cheguei todos me disseram pra ir pra Mutianyu porque a experiência seria melhor já que é vazia e existem partes reconstruídas e originais (o que da pra ter uma ideia do que era a Muralha antigamente). Além disso, por não ser lotada, a vista da muralha serpenteando nas montanhas é incrível e no fim do passeio há possibilidade de descer de tobogã! Escolhi Mutianyu e não quis ir de transporte público (achei que não valia a pena a dor de cabeça pra chegar lá pelas dificuldades do idioma, porque tinha pouco tempo em Pequim e deixei pra ir no dia do natal).

Chegar lá de transporte público é um pouco mais complicado que Badaling, pois é necessário pegar um táxi do terminal de ônibus até lá e combinar preços para o motorista te esperar na porta.

👉🏼Paguei 40 dólares em um passeio em grupo que incluía o transporte, buscando no hostel, um guia que falava inglês, o ingresso e um almoço tradicional chinês (levem suas garrafinhas e bebam depois porque a bebida não está inclusa e é uma facada) Chegando lá, é possível subir a pé e sem custos, de bondinho ou combinar bondinho com tobogã, o que custa em média 70 reais os dois trechos (ida e volta) e não está incluído no passeio. Não cheguei a ir pra Badaling, mas dá pra chegar facilmente e gastando bem pouco! Só pegar a linha 2 do metrô até a estação JiShui Tan e depois pegar o ônibus 919! .


Foto: @porondeviajo


Foto: @viajecompouco


Foto: @helo_pernambulando


Custo: um dia 50,00 JOD (230 reais), 2 dias 55,00 JOD (255 reais) ou 3 dias 60,00 JOD (280 reais)

Em meio ao deserto da Jordânia está Petra, eleita uma das 7 Maravilhas do Mundo. Outro nome para Petra é Cidade Rosa devido à cor das pedras do local. Existem várias controvérsias sobre a data de origem de Petra, mas estudos apontam para o ano 312 a.c, época que era utilizada como a capital dos árabes nabateus. Petra é um símbolo jordaniano, assim como a atração turística mais visitada do país. Para conhecer essa jóia da Jordânia a cidade base é Wadi Musa. A partir de Amã (Capital da Jordânia) são aproximadamente 3 horas de viagem, já partindo da cidade israelense de Eilat são 2 horas de viagem. Os locais mais importantes de Petra são El Khazna (o Tesouro, que é o monumento cenário do filme Indiana Jones), Siq (o caminho estreito entre o desfiladeiro que leva até ao El Khazna), as Tumbas reais, o mosteiro Al Dayr (no alto de uma montanha), o Altar dos Sacrifícios, Al-Beidha e a Igreja Bizantina. Programe-se para visitar a cidade na primavera ou no outono, porque as estações do ano são bem definidas por lá, ou seja, inverno e verão rigorosos. Além disso, no inverno, há muita chuva, o que pode dificultar o passeio por Petra. Dicas por @marxfabiano


Foto: @marxfabiano


Foto: @marxfabiano


Foto: @viagememdetalhes


Custo: entrada custa 1000 rúpias (50 reais)

Vocês sabiam que essa incrível obra foi construída como um símbolo do amor de um príncipe por sua princesa? ❤️💚 O Taj Mahal é considerado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e foi anunciado em 2007 como uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo. É todo revestido de mármore branco encrustado com 28 diferentes tipos de pedras semi-preciosas. Levou 22 anos para ser finalizado e consumiu o trabalho de 20 mil homens e mais de mil elefantes. As quatro faces do mausoléu são idênticas. Todos elas possuem um arco central de 33 metros de altura. O taj funciona desde o nascer até o pôr do sol, mas não abre às sextas-feiras. Chegue o mais cedo que puder, tendo em vista que os ônibus de turismo começam a chegar por volta das 9 da manhã. Não há uma regra para a vestimenta que se deve usar ao visitar o Taj, mas lembre-se que a Índia é um país bastante conservador. Procure manter braços e pernas cobertos ao visitar locais religiosos e monumentos importantes, como é o caso do Taj Mahal. Partindo da Capital Nova Deli há duas opções de se chegar ao Taj Mahal, pelo novíssima Yamuna Expressway, estrada de alta velocidade que corta a região rural de Uttar Pradesh (leva em torno de 2 horas e meia sem nenhuma parada), são 210 quilômetros. Ou 205 quilômetros pela estrada NH 2, que passa por vários vilarejos e cidadelas (leva pelo menos 5 horas sem nenhuma parada).

Dicas por @marxfabiano


Foto: @marxfabiano


Foto: @naomeesperaprojantar


Foto: @marxfabiano


Foto: @porondeviajo

E ai, bora fazer as malas?

Aproveitem para pesquisar suas passagens, hotéis, seguros e aluguéis com os nossos banners pra ajudar a gente a manter o blog <3



Nossos leitores tem 5% de desconto em qualquer pacote ou hotel no Hotel Urbano! Quando for fazer a compra, é só digitar o código "viajecompouco" que você ganha o desconto!!

Além disso, tem também 5% de desconto no seguro viagem! Com o código "viajecompouco5" na SegurosPromo!




Até a próxima!

Viaje com Pouco!


613 visualizações

© 2017 Viaje com Pouco. Todos os direitos reservados.